Assine

Museu-Escola de Ribeira de Pena

Exposição “Memórias de um tempo recente” lembra luta pela liberdade

Exposição inclui cartaz original de homenagem ao Padre Max, natural deste concelho. Foto © CM Ribeira de Pena

“Através de uma coleção diversificada de artefactos, fotografias e testemunhos, os visitantes serão transportados numa jornada que celebra a resistência, a esperança e a conquista da liberdade”, explica ao 7MONTES Ricardo Carvalho, coordenador do Eco-museu de Ribeira de Pena, sediado no Museu-Escola, que acolhe até dia 2 de maio a exposição Memórias de um Tempo Recente.

Parte do espólio que pode ser consultado foi cedido pelo Centro de Documentação 25 de Abril e é composto por excertos de jornais, como uma edição original do Século Ilustrado de 27 de Abril de 1974, revistas da época, mas também folhetos partidários e cartazes que “recordam a luta pela liberdade”. Faz, ainda, uma referência à luta das mulheres pelos direitos laborais e a conquista pela igualdade de género, numa época em que, por exemplo, nem o direito ao voto das mulheres estava consagrado.

Uma das peças mais significativas da exposição é um cartaz original do ano da morte de Maximino Barbosa de Sousa, conhecido por Padre Max, natural do concelho. “O cartaz é acompanhado de um manuscrito da direção da Associação de Estudantes do Liceu de Vila Real, onde ele lecionou Português e Francês”, refere Ricardo Carvalho.

Maximino Barbosa de Sousa, foi sacerdote, professor e ativista político, nascido em Choupica, no concelho de Ribeira de Pena, e foi vítima de um atentado à bomba em abril de 1976. A autarquia confirmou que está a trabalhar numa homenagem por ocasião dos 50 anos do assassinato do Padre Max.

A exposição recorda o período que compreende as eleições presidenciais de 1958 e a candidatura de Humberto Delgado, até ao Processo Revolucionário em Curso (PREC), que culmina com a aprovação da Constituição, em abril de 1976.

O objetivo é, precisamente, “alimentar o conhecimento sobre uma época marcante da nossa história”, concretiza o coordenador do espaço museológico instalado na antiga escola Adães Bermudes, edifício centenário situado no centro da vila de Ribeira de Pena, onde está em permanência a exposição que permite compreender a evolução recente do ensino primário em Portugal.

Exposição documental está patente no Museu-Escola de Ribeira de Pena. Foto © CM Ribeira de Pena

 

Escreva à redação

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!